Tenho sobrenome italiano, só isso é suficiente?

A ansiedade, ela provavelmente será uma companheira próxima durante toda esta caminhada. Sempre soubemos que em nossa família havia antepassados italianos, mas me lembro bem quando minha irmã comentou que estava pesquisando sobre cidadania italiana e descobriu que nós tínhamos direito. Lembro que a minha primeira reação foi de espanto: como assim? Posso ter cidadania italiana? Legal e quando vamos fazer?

O processo de cidadania pode se tornar uma grande jornada de espera. A ansiedade pode atrapalhar neste processo.

Foram nove anos depois desta conversa. Naquela época não existia muita informação disponível e pouquíssimos buscadores. Nossa família é bem isolada, não tinha muita informação. E eu, ingênuo, pensava que seria somente emitir alguns documentos e solicitar no consulado.

O fato de você ter uma origem italiana lhe concede o direito de solicitar o reconhecimento de sua cidadania “iure saguinis”. Mas para isso você terá que comprovar através de documentos válidos a sua ligação genealógica. E muitas vezes você nem carrega o sobrenome do italiano, e isso não é um problema, o que importa é a linha sanguínea. Você terá então que identificar onde estão os documentos de nascimento, casamento e óbito de toda a sua linha genealógica, do imigrante italiano até você.

Existem pessoas (abençoadas) que localizam tudo muito rapidamente e existem os que (como eu) levam anos. O importante é você saber que ter um sobrenome de origem italiana é o começo de uma longa história, envolvendo muita ansiedade e espera. Você terá que comprovar sua linhagem, e estamos falando de documentos antigos, que nem sempre possuem todas as informações que precisamos.

E o ponto mais importante, você começara a construir uma relação com seus antepassados. Lendo as certidões em inteiro teor você começará a entender um pouco mais da sua família, e de como esta vontade de mudar, de buscar algo melhor está em seu DNA, passando de geração por geração por mais de 100 anos.

É importante conhecer e se envolver com a história de seus antepassados.

Então estamos entendidos? O sobrenome é o começo, localizar as certidões, certificar de que você pode comprovar a sua linha genealógica, que você identificou quem é o italiano na sua linha genealógica, de qual lugar da Itália ele veio e quando ele nasceu são passos fundamentas para iniciar nesta jornada.

Afinal de contas, todo este processo na verdade é sobre se tornar um cidadão pertencente a outra nação. Isso é uma responsabilidade grande e exige um trabalho sério, baseado em documentos válidos e um processo que atenda as exigências italianas.

Será um processo burocrático, cansativo e principalmente de espera, e neste ponto a ansiedade será sua colega. Tente ao máximo mantê-la sob controle! No final valerá o esforço e, principalmente mantenha-se focado em seus objetivos. Para quem sabe onde quer chegar, ritmo é mais importante do que velocidade.

Conte conosco nesta caminhada e vamos em frente!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.